#EvokeFeminist – Do TI para o empreendimento

Com MBA e Mestrado em Gerenciamento de Projetos, além de duas pós em Ensino On-line e Design Instrucional, Pilar Sanchez diz que sempre trabalhou em área relacionadas à tecnologia da informação e comenta que já sofreu preconceito por ser mulher. “Já cheguei a ouvir que não seria considerada para uma determinada vaga porque eu era mulher e com isso eu poderia ficar grávida”.

Após anos trabalhando na área de TI, Pilar decidiu empreender e compartilhar todo seu conhecimento. “Meu primeiro curso foi oferecido gratuitamente. Não imaginava que alguém quisesse comprá-lo. Quando estamos começando não temos confiança suficiente para achar que alguém vai despender alguns reais para comprar  seu curso. Demorou uns 6 meses para eu começar a lucrar. Quando você tem poucos alunos é difícil vender. Mas aos poucos o faturamento foi aumentando à medida que mais alunos iam comprando e agora meus cursos entraram no ‘piloto automático’ de vendas”, comenta.

Leia o artigo completo aqui.